Pesquisar
Close this search box.

EN

Consistência: A Chave Oculta do Sucesso

Em 2010, a pesquisadora de psicologia da saúde da University College London, Phillippa Lally, buscou entender melhor como nossos hábitos são formados. Ela comandou o estudo “How are habits formed: Modelling habit formation in the real world”, publicado no European Journal of Social Psychology. Este estudo envolveu a participação de 96 pessoas que escolheram um novo comportamento alimentar, de exercício ou de outra rotina de saúde para segui-lo diariamente. Esses participantes relataram diariamente, por meio de um questionário online, o quão automático o comportamento escolhido parecia ser, utilizando a “Self-Report Habit Index” (SRHI), que mede o grau de automatismo de um comportamento.

A pesquisa revelou que o tempo necessário para formar um hábito pode variar muito entre as pessoas, de 18 a 254 dias, dependendo de diversos fatores como a complexidade do comportamento e a regularidade da prática. No entanto, a média encontrada foi de 66 dias. Mas o mais interessante aqui foi compreender que a consistência não é apenas uma questão de força de vontade momentânea. Em vez disso, a formação de hábitos requer um período sustentado de repetição e esforço consciente, até que o comportamento se torne parte integrante da rotina diária de uma pessoa.

O processo de transformar ações em hábitos automáticos depende da repetição regular e da formação de conexões neuronais no cérebro, facilitando a execução de ações sem a necessidade de um esforço consciente constante. O estudo de Lally mostra a importância de persistir com novas ações durante um tempo considerável para que elas virem hábitos firmemente enraizados. Em outras palavras, nos mostra a importância da consistência em nossas vidas.

Vivemos em uma era de mudanças rápidas e constantes. A tecnologia avança em um ritmo acelerado, as tendências sociais evoluem rapidamente e a pressão para alcançar sucesso em várias áreas da vida é imensa. Nesse cenário, a consistência se torna um pilar fundamental para manter a estabilidade e alcançar objetivos a longo prazo. Mas o que exatamente é consistência, e por que é tão crucial no mundo de hoje?

O Que é Consistência e Como Funciona na Mente

A consistência, definida como a qualidade de ser estável e persistente em ações e comportamentos, é uma das chaves para o sucesso sustentável. Em um mundo onde somos constantemente bombardeados por distrações e novas informações, manter um foco consistente pode parecer um desafio monumental. No entanto, aqueles que conseguem manter uma rotina estável e persistente são frequentemente os que alcançam seus objetivos de forma simples e certeira. Ela pode ser entendida como a persistência em uma determinada ação ou comportamento ao longo do tempo. É a prática de repetir as mesmas ações regularmente, criando um padrão estável de comportamento.Seja na vida pessoal ou profissional, a consistência é o que diferencia o sonho da realização de um objetivo.

E nosso cérebro desempenha um papel crucial na nossa capacidade de ser consistente. A neurociência nos ensina que nossos hábitos são formados por meio de um processo chamado neuroplasticidade. A neuroplasticidade é a capacidade do cérebro de reorganizar suas conexões neuronais em resposta a novas experiências e comportamentos. Quando repetimos uma ação consistentemente, os neurônios em nosso cérebro formam conexões mais fortes, tornando o comportamento mais automático e menos dependente de esforço consciente. Um estudo clássico sobre neuroplasticidade, conduzido pelo psicólogo canadense Donald Hebb em 1949, mostrou que “neurônios que disparam juntos, se conectam”. Isso significa que, quanto mais frequentemente realizamos uma ação, mais forte se torna a conexão entre os neurônios envolvidos nessa ação, facilitando sua repetição futura.

Outro aspecto importante é o sistema de recompensa do cérebro, que desempenha um papel crucial na formação de hábitos e na manutenção da consistência. No centro desse sistema está o núcleo accumbens, uma estrutura cerebral fundamental no processamento de recompensas e no reforço de comportamentos. Quando realizamos uma ação que nos aproxima de nossos objetivos, o núcleo accumbens é ativado e nosso cérebro libera dopamina, aquele neurotransmissor associado ao prazer e à sensação de recompensa (falei mais sobre ele nesse artigo aqui). A dopamina não apenas nos faz sentir bem, mas também reforça os circuitos neuronais envolvidos no comportamento realizado, nos deixando mais propensos a repetir isso no futuro. Esse processo de reforço é essencial para a formação de hábitos, pois consolida a conexão entre a ação e a recompensa. É como um sinal para o cérebro de que a ação realizada é benéfica, nos incentivando a continuar com aquele comportamento. Ao compreender e utilizar esse sistema de recompensa do cérebro, podemos reforçar comportamentos positivos e criar hábitos mais saudáveis e duradouros que nos aproximam de nossos objetivos.

E Como Desenvolver a Consistência?

Entender o funcionamento do sistema de recompensa do cérebro é o primeiro passo para utilizar essa dinâmica a nosso favor, reforçando comportamentos positivos e estabelecendo hábitos duradouros que nos levam a alcançar nossos objetivos. Aqui estão algumas estratégias práticas para desenvolver a consistência:

1 – Experimente Micro-Desafios:

Em vez de pensar em grandes metas, experimente micro-desafios diários ou semanais. Esses pequenos desafios são mais fáceis de gerenciar e proporcionam um senso imediato de realização. Por exemplo, comprometa-se a caminhar por 10 minutos diariamente em vez de se forçar a passar uma hora na academia todos os dias. Jerry Seinfeld, o famoso comediante americano, usa a técnica do “Don’t Break the Chain” para escrever piadas. Ele marca um “X” em seu calendário todos os dias em que escreve algo. A meta é simples: não quebrar a corrente. Essa técnica de micro-desafios diários ajudou Seinfeld a criar um hábito consistente de escrita que contribuiu para produtividade do seu trabalho e para seu sucesso.

2 – Configure Seu Sucesso:

Steve Jobs, cofundador da Apple, era conhecido por seu ambiente de trabalho minimalista. Ele acreditava que um espaço limpo e organizado ajudava a manter o foco e a clareza mental, permitindo-lhe trabalhar de maneira mais consistente. E a verdade é que o ambiente tem um impacto significativo na nossa capacidade de manter consistência. Organize seu espaço de trabalho ou sua casa de maneira que facilite a realização das tarefas que você deseja tornar hábitos. Se você trabalha em home office, por exemplo, prepare um lugar separado apenas para o trabalho e tente manter este espaço organizado e limpo sempre que for trabalhar.

3 – Gatilhos Visuais e Auditivos – Lembretes Que Funcionam:

Use lembretes visuais, como post-its, ou alarmes no celular para se lembrar das suas tarefas. Esses gatilhos ajudam a manter o foco e a rotina. Por exemplo, um post-it no espelho do banheiro pode lembrar você de praticar a meditação matinal.

4 – Transforme Tarefas em Ritual:

Durante sua presidência, Barack Obama mantinha um ritual de exercícios matinais. Ele acreditava que começar o dia com exercícios físicos ajudava a clarear a mente e preparar-se para os desafios do dia. Transformar ações simples em momentos especiais pode transformar obrigações em atividades mais simples e agradáveis, facilitando com que isso se torne um hábito.

5 – Use a sua Neuroplasticidade:

Aproveite o poder da neuroplasticidade para reforçar novos hábitos. Adote práticas que envolvem repetição e recompensa, como criar uma lista de tarefas ou metas do que você precisa fazer no dia a dia, além de se organizar melhor, ao concluir cada objetivo e riscar da lista, você reforça o comportamento de recompensa. A repetição e a recompensa fortalecem as conexões neuronais, facilitando a formação de novos hábitos.

6 – Conecte-se com Seus Valores:

Conecte suas ações aos seus valores e paixões pessoais. Identifique as razões profundas para seus objetivos, como melhorar sua saúde para ter mais energia para brincar com seus filhos. A motivação intrínseca é poderosa porque está alinhada com quem você é e o que valoriza. É o tipo de motivação que impulsiona líderes como Elon Musk, CEO da Tesla e SpaceX: Musk é apaixonado por encontrar soluções para os problemas ambientais do planeta. Isso se reflete em sua dedicação à Tesla, cuja missão é acelerar a transição do mundo para a energia sustentável através de veículos elétricos e energia solar.

7 – Construa Sua Rede de Sucesso:

Utilize a pressão positiva e o incentivo das suas redes de apoio. Compartilhe seus desafios e progresso com amigos ou grupos online que compartilhem interesses semelhantes. Participar de comunidades pode oferecer encorajamento e responsabilização, elementos chave para a consistência. Um exemplo disso é a escritora J.K. Rowling, autora da série Harry Potter. Antes de alcançar o sucesso, Rowling enfrentou várias rejeições de editoras e dificuldades financeiras, mas, sua irmã, que leu a história antes mesmo que ela estivesse finalizada, sempre instigou a escritora a continuar escrevendo.

***

A Jornada de Mil Milhas Começa com um Único Passo

A consistência é a base sobre a qual construímos nossas vidas. É por meio de pequenas ações diárias, repetidas com regularidade, que alcançamos grandes resultados. Ao entender a importância da consistência e aplicar estratégias práticas para mantê-la, podemos transformar qualquer objetivo em realidade.

Essa é a chave para desbloquear nosso potencial. Portanto, comece hoje mesmo. Estabeleça metas claras, crie uma rotina estruturada, encontre sua motivação, aceite apoio daqueles que te cercam e pratique a auto compaixão quando as coisas não saírem exatamente como planejado. Lembre-se: a jornada de mil milhas começa com um único passo. Dê esse passo hoje, mantenha a consistência e observe como suas ações diárias se acumulam em grandes conquistas ao longo do tempo.

Mais artigos

plugins premium WordPress